Ficando louco com a RDC 50 e a RDC 307!!!

Um dos maiores desafios que tenho como profissional é acreditar piamente no progresso da profissão que escolhi há muitos anos atrás....a Medicina Veterinária...e por acreditar nisso faço a minha parte junto com muitos outros colegas para buscar ferramentas em outros universos paralelos ( nem deveriam ser...) à Medicina Veterinária para aperfeiçoar, melhorar, e criar um diferencial competitivo dentro do nosso segmento que é o chamado Mercado Pet.

Recentemente tenho tido a honra de ter sido chamado por vários colegas para atuar na reforma e construção de seus estabelecimentos veterinários e junto com minha equipe de arquitetos e comos arquitetos contratados pelos colegas busco encontrar as melhores soluções para eles!

Porém é importante alertar a todos que não podemos sair "criando" um estabelecimento veterinário da nossa própria cabeça e imaginação...pois todo estabelecimento veterinário é um estabelecimento de saúde ( algo que parece não ser comunicado dentro dos cursos de medicina veterinária deste país) e como todo estabelecimento de saúde ele segue regras da Anvisa e as que regem nosso dia a dia enquanto consultores e construtores estão a RDC 50 e a RDC 307 dentre tantas outras, mas estas basicamente são seguidas pelas Vigilâncias Sanitárias Estaduais e Municipais pelo país inteiro....( isso era o que deveria se esperar....)

Mas o que tenho encontrado é um mix de vontades próprias das equipes municipais que elegem um determinado artigo das resoluções e focam todos os seus esforços nesse ponto,se esquecendo de outros fatores importantes.

E aí surgem os disparates..por exemplo, em uma cidade do sul , um dos maiores PIBs do país, o roteiro de auto inspeção diz que as clínicas veterinárias devem ter uma " área de nebulização para crianças de espaço de 2 metros quadrados"...??????"!!!!!!

Ou seja a equipe da Visa desta cidade simplesmente fez um control c control v sem sequer saber o que estavam lendo!!!
Dá para respeitar um profissional desse???
Pior é ter que respeitar pois ele é a Lei.....cômico se não fosse trágico....

Mas então temos que nos adaptar sim e não sou crítico, mas apenas sinto que ler a RDC 50 e a RDC 307 não basta..temos que entende-las , adapta-las ao nosso universo, e buscar sim entender que na sua essência elas são fortes ajudantes no processo de qualificação do serviço clínico-cirúrgico veterinário ....

Bem, vou lá que estou fazendo umas plantas de centro cirúrgico aqui.....

Até a próxima!

Comentários

Postagens mais visitadas