Posicionamento profissional: um passo esquecido...



Existe um provérbio hindu que diz...” Não há árvore nesta vida que não tenha sido balançada pelo vento...”  e é baseado neste provérbio que começo a conversar com vocês sobre o tema de nosso encontro: O Posicionamento profissional.

Muitos dos leitores desse site, sejam eles veterinários ou donos de petshops se consideram profissionais do mercado pet, atuam no mercado pet e, são o mercado pet! Nisso não reside nenhuma dúvida, afinal por milhares de petshops, clínicas, agropecuárias e consultórios de todo o país podemos contar muitas horas de experiência profissional no dia a dia de trabalho de cada um.
São dias, meses e anos lidando com clientes, casos clínicos, resolvendo pendências financeiras, tendo que pagar funcionários e efetuar compras.

Mas o ponto que quero realçar é que muitas dessas ações são realizadas de forma quase automatizadas, seguindo um padrão como diria a canção ...” Todo dia ela faz tudo sempre igual...” sem que haja uma conscientização mais profunda do que representa cada ação em um conjunto final, um somatório total que se chama ROTINA DE TRABALHO.

E quais os riscos de uma rotina diária de ações automatizadas dentro dos estabelecimentos pet deste país?
Muitos!
À começar pelo fato de muitas dessas rotinas estarem calcadas em uma pseudo experiência administrativa,o que gera uma série de problemas na gestão destes estabelecimentos.
A rotina pode ainda prender as equipes de trabalho em um universo de falta de criatividade e de ações pró-ativas pois de uma forma massificante todo o tempo está direcionado a execução linear das tarefas.
Não existe espaço para o questionamento amplo e irrestrito que é a base do Posicionamento Empresarial que falamos no início deste texto.

O Posicionamento de uma empresa é a sua imagem em 3D onde ela sinaliza ao mercado, aos seus clientes e aos seus componentes algumas informações básicas e fundamentais que de uma forma clara dizem:

- Quem somos
- O que pretendemos oferecer a você
- Qual nossa política de relacionamento com o cliente
- Qual a política comercial da nossa empresa
- Como nos comunicamos com o mercado
- Qual nossa política de endomarketing
- Qual nossa proposta de negócios
- Onde pretendemos chegar
- Quais nossos valores
- Qual a nossa Missão

Com o posicionamento definido transmitimos algumas características essenciais ao nossos consumidores diretos e indiretos como por exemplo SEGURANÇA.
Passamos a ter uma imagem sólida construída em bases fundamentadas nos nossos atos e atitudes.
Mas convém lembrar que nenhum posicionamento deve ser rígido o suficiente que não permita que uma empresa seja extremamente flexível às mudanças estratégicas necessárias á sua própria sobrevivência.
Posicionamento é definição sempre, mas jamais um fechar de olhos às mudanças cada vez mais acentuadas no mercado pet.
Será que você está preparado para conviver com uma nova loja inaugurando em breve na sua vizinhança?
Será que no dia em que seu tosador desaparece, justamente no seu dia mais lotado de banhos e tosas agendadas, você teria uma alternativa?
Será que você reservou espaço em sua agenda para freqüentar um seminário, curso, workshop ou palestra que possa ajudar no exercício diário da gestão de sua loja?
Será que você consegue perceber como é a linguagem empresarial de sua loja?
Você tem noção de que o exemplo que você dá como gestor é o melhor caminho para que seus funcionários aprendam o que tanto você deseja que eles pratiquem no relacionamento com os clientes?

O Posicionamento requer um completo conhecimento do DNA de cada estabelecimento, mas não sejamos deterministas em dizer que seja somente isso, pois o DNA é a base sim, indica o que você, o que sua loja é..mas a VIVÊNCIA e o APRENDIZADO contam muito na construção do seu posicionamento empresarial.

Teimosia e Orgulho não são qualidades que combinem com o atual momento do mercado pet, onde as verdades absolutas são palavras e atitudes que se perdem no meio das novas exigências de mercado.
Esse tipo de postura tende a tornar seu negócio pesado, lento, sem mobilidade, sem o frescor necessário ao encantamento diário e repetitivo dos clientes por você, pense nisso!
Apaixonar-se por uma pessoa é fácil, o difícil é apaixonar-se por ela todos os dias da relação...
A construção de seu posicionamento é algo que deve ser encarado como vital pelo gestor que pretenda obter o tão sonhado diferencial competitivo no mercado, pois eu preciso de forma clara e concisa dizer quem sou e o que posso fazer por você cliente!


Mas jamais esqueça da flexibilidade de ações e posturas como uma habilidade acessória no exercício diário da gestão.

Essa flexibilidade é adquirida em situações como quando o vento que sopra forte sobre as árvores do provérbio, as fazem se vergar para sobreviver às novas condições...

E você já tem esta flexibilidade no posicionamento de sua empresa?

Comentários

Postagens mais visitadas